TPC – Vantagens e desvantagens

TPC – Vantagens e desvantagens

TPC- vantagem ou desvantagem

TPC- vantagem ou desvantagem

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Os famosos Trabalhos Para Casa são muitas das vezes sentidos pelos pais como deveres da escola, no período pós-aulas. Quando assim é, os filhos acabam por passar mais horas na escola (privadas) para cumprir esse dever. Aqui pode logo encontrar-se uma desvantagem para a criança. Ao fim de um dia de “trabalho”, a criança precisa tanto de regressar ao seu porto de abrigo, quanto os adultos.

“Os trabalhos de casa servem para consolidar conhecimento, treinando dessa forma o que se aprende nas aulas”, é o argumento dos professores. Pergunta: “o que treinam nas aulas, aquando da aquisição desse conhecimento, não será suficiente”? Naturalmente que será para uns, mas não para todos. Nesse caso, os trabalhos serão necessários e úteis quando individualizados, na sua grande maioria das vezes, isto é, quando aplicados a cada criança de forma personalizada, para treinar, e com isso consolidar, uma matéria mais difícil de apreender (não descurando a necessidade de uma explicação diferenciada, naturalmente).

Um dos grandes problemas dos TPC é serem muito regulares, muitas das vezes até diários, pelo que o foco não parece ser propriamente a sistematização do conhecimento dos seus alunos, mas antes uma (talvez) preocupação excessiva com o desenvolvimento cognitivo, a rápida aquisição de conhecimento, alienando o desenvolvimento emocional.

  1. Ao fim de um dia de trabalho a criança está cansada – logo a consolidação de conhecimento não é necessariamente um objectivo atingido.
  2. O excesso de horas na escola (das 9h às 17h – horário de trabalho de um adulto), com trabalhos extra horário escolar, promove não raras vezes um sentimento próximo à aversão a estas mesmas matérias
  3. A criança tem necessidade de brincar – os TPC retiram-lhe (ou condicionam-lhe) essa possibilidade

É a brincar que a criança aprende a lidar com a realidade, descobrindo assim o mundo que a rodeia, pelo que é igualmente a brincar que a criança desperta a curiosidade pelo saber, pelo conhecimento, motivando-se para investir emocionalmente – e saudavelmente – nas matérias escolares. Precisa, assim, de tempo disponível para brincar.

Em suma, os TPC são úteis e necessários quando servem o propósito de cimentar um conhecimento que gera maior dificuldade, pelo que se espera que seja, tanto quanto possível, individualizado /personalizado e de evitar o registo diário.

 

Alexandra Silva Nunes

Psicóloga /Psicoterapeura

Cédula Profissional nº 3347

marcar.consulta

 

 

 

 

moradas1

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *